Tratamento a laser no verão: pode ou não pode?

Publicado em: 07/01/2021

Tratamento a laser no verão: pode ou não pode?

Pode sim! O tratamento a laser no verão pode ser realizado com segurança e eficácia, desde que sejam adotados certos cuidados. Alguns destes são tão importantes que permanecem até mesmo no inverno. Outros, podem variar de acordo com a estação do ano, estilo de vida, objetivo e até mesmo com o tipo de laser a ser utilizado no procedimento.

“O principal cuidado que se deve adotar nos tratamentos a laser, seja no verão ou no inverno, é a orientação do médico dermatologista. Este profissional é o especialista indicado para o diagnóstico e tratamento dos problemas de saúde e estéticos da pele. O médico dermatologista saberá avaliar corretamente cada paciente e indicar o melhor tratamento para cada pessoa.” – Dra. Marcela Camera Carreirão (CRM/SC 18545 – RQE 14991), Dermatologista em Florianópolis/SC.

Como funciona o laser no verão?

Os tratamentos com laser fracionado removem a camada mais externa da pele, geralmente envelhecida e danificada, provocando a troca dessa pele por outra mais nova e saudável.  Além disso, o efeito térmico do laser estimula a formação de colágeno e a remodelação das fibras estruturais do tecido cutâneo. Assim, a pele do paciente fica mais firme e com menos rugas. 

Os tratamentos com laser acroma Q-switched promovem uma melhora na aparência dos poros e estimulam a formação de colágeno. Além disso, eles promovem o clareamento de manchas provocadas pelo sol e as manchas senis, além do clareamento do melasma. Esse é o único laser com FDA para tratamento do melasma. 

O laser no verão, seja o fracionado ou o laser Q-switched, ameniza manchas, melhora a textura e contrai os poros da pele, deixando-a mais viçosa.

Laser no verão: indicações            

Os tratamentos a laser no verão são indicados para promover:

  • Rejuvenescimento facial e Peeling (estimulação de colágeno e elastina);
  • Remoção de manchas leves na pele;
  • Tratamento de poros abertos;
  • Suavização de cicatrizes e cicatriz de ACNE;
  • Suavização de rugas finas (principalmente ao redor dos olhos e boca).

“Também é possível realizar o tratamento contra o melasma com o laser acroma (Q-switched) no verão. Para isso, basta seguir os cuidados indicados pelo médico dermatologista caso a caso.” – Dra. Marcela Camera Carreirão (CRM/SC 18545 – RQE 14991), Dermatologista em Florianópolis/SC.

A dose correta

No entanto, é importante lembrar que cada paciente possui características próprias. As queixas, os tons de pele, idade, estilo de vida e condições de saúde variam de pessoa para pessoa. 

Assim, a dose de laser indicada para uma pessoa pode ser extremamente prejudicial para outras.

“Os equipamentos a laser possuem diferentes especificidades, como níveis de intensidade e ponteiras. Somente o médico dermatologista é capaz de determinar com segurança qual o tipo de laser, quantas sessões e qual intensidade deve ser aplicada em cada pessoa. Sem esse especialista, o risco de acidentes como queimaduras e manchas definitivas na pele é muito grande.” – Dra. Marcela Camera Carreirão (CRM/SC 18545 – RQE 14991), Dermatologista em Florianópolis/SC.

Cuidados com o laser no verão

Na estação mais quente do ano, é muito importante que os pacientes intensifiquem o uso de protetores solares. 

Alguns tratamentos a laser no verão, como o laser fracionado, provocam a descamação e uma maior sensibilidade da pele. Dessa forma, eles também exigem que o paciente permaneça alguns dias em recuperação após os procedimentos.

Porém, alguns tratamentos a laser não provocam a descamação e nem sensibilizam a pele. A paciente sai da sessão com a pele tratada. Um dos exemplos é o laser acroma Q-switched para tratamento do melasma.

Na Clínica Carreirão, os pacientes dispõem de tratamentos a laser no verão que não provocam efeitos térmicos e são indicados especialmente para essa época do ano! 

“Pacientes que realizam tratamento com Laser de CO2 devem ter atenção redobrada. Já o Laser de Erbium, que possui efeito semelhante ao CO2, oferece maior segurança. Ele é ideal para quem reside em áreas de intensa exposição solar. Oferece resultados significativos sem a necessidade de procedimento cirúrgico e sem precisar se afastar das atividades cotidianas.” – Dra. Marcela Camera Carreirão (CRM/SC 18545 – RQE 14991), Dermatologista em Florianópolis/SC.

Cuide da sua pele e da sua saúde em todas as épocas do ano. Consulte o médico dermatologista e faça o seu tratamento a laser no verão com segurança. A Dra. Marcela Camera Carreirão está a sua disposição.

Marcela Carreirão

Formada em Medicina pela Universidade do Oeste Paulista, a Dra. Marcela Camera Carreirão (CRM/SC 18545 RQE 10574 e RQE14991) é especialista em Dermatologia pelo Instituto Superior de Medicina Dermatológica de São Paulo e especialista em Cirurgia Facial, Otorrinolaringologia pelo Hospital Paulista.

Possui título de especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e pela Associação Médica Brasileira (AMB); título de especialista em Otorrinolaringologia pela Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico Facial (ABORL CCF) e pela Associação Médica Brasileira (AMB).

Também é membro titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), membro titular da Academia Americana de Dermatologia (AAD), membro titular da Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial e membro da Academia Brasileira de Cirurgia Plástica da Face.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *